O IE6 surgiu num momento em que a Microsoft havia vencido a guerra entre o IE e Netscape. O Mozilla Firefox ainda não tinha surgido, então eles não tinham ninguém para competir com o comércio na internet. Assim, a Microsoft deixou o desenvolvimento do navegador parado por muitos anos até que finalmente foi forçada a inovar para poder competir com o navegador da Fundação Mozilla.

Mas o IE6 foi (é) um péssimo navegador em todos os aspectos. A Microsoft – na época de lançamento do IE6 – parecia ter suas próprias idéias sobre como o HTML devia funcionar e assim a maioria das páginas da web tinham que ser “fixas” para poder funcionar sobre este navegador. Mas isso tinha de acontecer por causa da participação da Microsoft no mercado de 99%. Eventualmente com o Vista e Windows 7, a Microsoft lançou duas versões do navegador muito superiores e melhor protegidas, e por isso as grandes empresas já desenvolveram suas aplicações web e portais para funcionarem nas novas versões do IE.

Agora, o Google dará um fim do suporte para o IE6 de alguns de seus produtos, começando com o Google Docs. Eles estão fazendo o que a Microsoft deve fazer.  O Google está apenas dando um mês para quem usa o IE6 se preparar. A partir de 1º de Março alguns serviços, não há nenhuma lista definitiva, no entanto, deixarão de funcionar corretamente no IE6. Espero que isto estimule a Microsoft a retirar o suporte para o IE6 em breve, mas eu duvido.