A maioria de vocês já sabe, várias edições iniciais do Windows 8 vazaram em redes de compartilhamento de arquivos, a build mais recente vazada é a 7959.

É claro que a Microsoft não estava muito feliz com isso. Imagine alguém que trabalhe para você chegar e vazar o seu projeto secreto por toda a internet, você ficaria satisfeito? Claro que não e eu só posso supor que você iria tomar medidas disciplinares contra eles, mais do que provável, que eles seriam demitidos.

E parece que a Microsoft fez exatamente isso. No entanto a Microsoft não faz comentários sobre a demissão dos empregados por isso, vamos ter de confiar nos fóruns que afirmam dispor de informações verídicas. Segundo eles, um funcionário da empresa na Rússia e outro que trabalhava na sede da Microsoft em Washington foram demitidos da empresa por vazamento de compilações do Windows 8.

Essas demissões só indicam que a Microsoft deve ter algum outro recurso em mente para o Windows 8, e não quer que saibam sobre isso agora.

E agora, continuarão a vazar compilações do Windows 8? Provavelmente, porque aparentemente a Microsoft distribui o Windows 8 para empresas parceiras, para poder fazer testes e inclusive desenvolver drivers, mas essas demissões poderão fazer alguns empregados da empresa pensarem duas vezes antes de vazarem outra versão do Windows 8.

Imagem da conversa:

Microsoft demite funcionários

Fonte: Fórum My Digital Life

Atualização: Ontem, enquanto eu estava editando o post para ser publicado, o usuário Canouna (que publicou essa informação) deletou a mensagem que estava no fórum MDL.